0
Geral

3 livrarias independentes para apoiar nestes tempos de pandemia

 

Neste momento de pandemia, em que não se pode sair de casa e devemos todos nos proteger e assim proteger aos demais, um dos setores afetados economicamente é o mercado editorial e livreiro como um todo. Muitas livrarias fecharam durante este período e muitas outras se reinventaram e investiram em vendas online.
O que nós, como leitores e consumidores, podemos fazer para ajudar esse mercado durante esse período de incertezas? Acho que algo importante a se fazer é, se possível, compramos de produtores locais e de iniciativas independentes, nesse sentido, no momento de comprarmos algum livro, procurarmos por livrarias independentes e que dependem dessas vendas para se manterem. Outra coisa que pode ser feita é comprar diretamente no site da editora.
Para ajudar nessa busca, trago indicações de livrarias independentes, de partes diferentes partes do Brasil:

Livraria Africanidades
Essa livraria fundada pela bibliotecária e livreira Ketty Valêncio, já apareceu aqui no blog nas indicação de clubes de assinatura. Sediada em São Paulo, seu diferencial é que ela tem um acervo especializado em literatura afro-brasileira e feminista. 
Acesse o site: https://www.livrariafricanidades.com.br/index.html
 

Livraria Maracá
Esta é uma livraria online especializada em literatura indígena produzida no Brasil. Seu catálogo conta com obras de autores de diferentes povos e regiões e tem como missão ampliar o alcance e visibilidade da literatura indígena e dos saberes ancestrais por meio dos livros, acreditando que eles são agentes transformadores da realidade. A livraria envia para todo o Brasil.
Acesse o site: https://www.livrariamaraca.com.br/loja/

Livraria Taverna 
Esta é uma pequena livraria e editora de Porto Alegre com acervo especializado em artes, humanidades, literatura e publicações independentes. Nesse período a livraria está realizando atendimento online pelas redes sociais e WhatsApp, trabalhando com tele entrega, então se você for de Porto Alegre pode comprar e receber seu livro no mesmo dia e se você não for, receberá pelos Correios.
Acesse o site: https://www.editorataverna.com.br/catalogo-ct-272952

Estas são só algumas das minhas indicações. A editora Boitempo disponibilizou uma lista com muito mais livrarias que estão com atendimento online e se a compra for feito pelos links disponibilizados no post, as livrarias ganham uma comissão e o cliente não paga nada a mais por isso. A editora Todavia também disponibilizou uma lista com mais de 200 livrarias que estão funcionando durante este período, organizada por cidade e Estado, com todas as informações necessárias.

 

Por fim, mesmo sabendo da importância de apoiar as livrarias e editoras independentes neste momento, se você não tiver condições porque às vezes o preço do livro é um pouco mais caro e preferir comprar pela Amazon que oferece descontos, peço que compre pelo link do produtor de conteúdo que você gosta e quer apoiar o trabalho. Eu sou uma dessas produtoras, então se você puder comprar usando o meu link, agradecerei muito: https://amzn.to/3g7Ge1Q

Você poderá gostar

19 Comentários

  • Responder
    Maria Eduarda Ferreira
    11 julho, 2020 em 14:54

    Conteúdo muito necessário. precisamos apoioar pequenos empreendedores e empreendedores locais sempre e neste tempo ainda mais. sem dúvidas esses são meu locais com prioridade para consumo! obrigada, Maria

  • Responder
    Giulliana Karla
    12 julho, 2020 em 20:20

    Amei essas dicas, eu tenho ficado mais atenta a comprar dos pequenos empreendimentos, das pequenas empresas e isso tem incluído livrarias. Acho que mais que nunca devemos apoia-los e incentivar a leitura. A pandemia os atingirá e causará, como ja tem causaso, muito impacto.

  • Responder
    Ana Luisa
    13 julho, 2020 em 19:29

    Obrigada pelo post! Eu não conhecia nenhuma dessas livrarias. E sobre o link da Amazon eu fiz isso no último livro que eu comprei 🙂

  • Responder
    Amanda Caroline da Silva
    14 julho, 2020 em 00:09

    Eu compro de uma livraria independente da cidade ao lado da minha, eles tem uma delicadeza com a entrega, a desse mês veio com cartão postal fofo, mas eles sempre mandam um recado, às vezes é sobre o livro, às vezes é a música que estava tocando quando o livro foi embalado, muita atenção e carinho. Infelizmente às vezes é mais caro mesmo, mas vale a pena!

  • Responder
    Keila
    14 julho, 2020 em 01:54

    Que legal as indicações de livrarias. Acho muito importante ressaltar que o nosso consumo precisa ser consciente,ajudando quem,de fato,precisa e merece. Darei uma olhada na listagem das editoras também. Ótimas dicas!

  • Responder
    Alana Moura
    14 julho, 2020 em 23:49

    Maria, texto necessário. Costumo comprar livros em sebos porque sai mais em conta rs, ou em promoção relâmpagos, porém, acho fundamental nesse período caótico apoiarmos as pequenas livrarias. Visitei os links, e fiquei encantada com a livraria Maraca, ótimas indicações!!

  • Responder
    Barbara Grangeiro Leal
    16 julho, 2020 em 19:30

    Boa! Eu tô apoiando uma livraria independente da minha cidade, que está na lista da editora boitempo.

  • Responder
    Raquel Gusmão
    16 julho, 2020 em 23:21

    Muito bom o post,extremamente necessário apoiar as livrarias nesse momento.

  • Responder
    Érika Santana
    17 julho, 2020 em 09:33

    Siiimmm! É importante apoiar as livrarias e caso vá fazer compra online use os links para apoiar quem produz conteúdo!

    Não veio a hora de poder ir numa livraria e andar tranquila ❤️

  • Responder
    Gabriela Harrison
    21 julho, 2020 em 16:52

    Ah, temos que apoiar mesmo! Imagine o mundo sem esse aconchego das livrarias locais?

  • Responder
    Gabriela Harrison
    21 julho, 2020 em 16:53

    Ah, temos que apoiar mesmo! Imagine o mundo sem esse aconchego das livrarias locais?

  • Responder
    Jaíne Muniz
    22 julho, 2020 em 16:35

    Obrigada pelas dicas! Essa pandemia mudou completamente a nossa forma de se relacionar e de consumir produtos. Mas é realmente muito importante continuarmos a apoiar essas livrarias independentes para que elas possam continuar existindo depois que isso tudo passar.

  • Responder
    Mateus Alves
    22 julho, 2020 em 18:28

    Eu trabalho em uma livraria e posso dizer que esse momento é triste pelas várias lojas que fecharam desde o início da pandemia. Comprem livros físicos e, se puder, em lojas físicas. Assim, você contribui para a continuidade desse mercado.

  • Responder
    Rafaela Brandão
    24 julho, 2020 em 15:23

    Obrigada pela dicas!!!

  • Responder
    Rafaela Brandão
    24 julho, 2020 em 15:24

    Este comentário foi removido pelo autor.

  • Responder
    Beatriz Cerqueira Biscarde
    27 julho, 2020 em 02:05

    Só conhecia a sua última indicação. Adoro livrarias independentes!

  • Responder
    luisadeholanda
    29 julho, 2020 em 03:16

    Esses dias comprei dois livros na amazon, estavam na promoção. E pensei muito sobre a questão das livrarias e das editoras durante a pandemia e essa luta desigual… Na semana seguinte noticiaram que o Jeff Bezos ganhou 13 bi em um único dia. Isso é absurdo, me deixa bastante mal. Gostaria muito de poder comprar sempre da editora ou de uma livraria independente, mas ainda não tenho condições pra isso.

  • Responder
    Ana I. J. Mercury
    31 julho, 2020 em 02:49

    Oii,
    ótima dica mesmo!
    Vou deixar seu post salvo e quando eu for comprar algum, entro nessas livrarias.
    Tô relendo mais os livros antigos, já que só dois novos para ler, e tô economizando, porque não quero ir ao sebo comprar kkkkkkkk
    bjs

  • Responder
    ISADORA LOPES
    1 agosto, 2020 em 02:32

    Conteúdo importante nesses tempos tão complicados que estamos vivendo. É essencial dar suporte às livrarias independentes, precisamos incentivar o consumo consciente.
    Costumo comprar de muitos sebos pela questão do preço, mas acredito valer a pena gastar um pouco mais quando é para incentivar negócios tão importantes.

Deixe um comentário

Narrativas com fluxo de consciência Livros para quem gostou de “Renaissance”, de Beyoncé Conheça a escritora Natasha Brown